Riscos globais em 2016 por região

Riscos globais em 2016 por região

Com o cenário internacional cada vez mais incerto e com várias zonas do globo devastadas pela guerra, as organizações devem ter planos de contingência no caso de serem atingidas por um ataque terrorista, por exemplo.

Num mundo cada vez mais globalizado e interligado, a instabilidade política, a incerteza económica e o terrorismo podem ter um impacto profundo, interrompendo cadeias de fornecimento, afetando a segurança dos trabalhadores, causando danos materiais e a interrupção de negócios.

Os riscos geopolíticos e sociais surgem no topo da lista das preocupações no “Global Risks Report 2016” do Fórum Económico Mundial, em que 79,4% dos inquiridos citam o colapso do Estado ou a crise, o conflito entre Estados e o fracasso da governação nacional como os principais motivos de preocupação para os próximos 18 meses. Dando relevância ao risco geopolítico, 52% mostram-se preocupados com as ramificações decorrentes da atual migração involuntária e em grande escala.

Fonte: Raconteur

03-06-2016 


Portal da Liderança