Evangelista de inovação Shahid Khan introduz design thinking no GSI

Evangelista de inovação Shahid Khan introduz design thinking no GSI

“Se não adotarmos uma aprendizagem constante no trabalho tornamo-nos obsoletos”
Shahid Khan

O diretor de inovação da SAP, Shahid Khan, é um dos oradores no quarto dia do programa GSI em Silicon Valley, que inclui uma sessão sobre design thinking com o responsável durante a visita à tecnológica de origem alemã.

A 7.ª edição do GSI - Global Strategic Innovation: International Executive Program, que decorre em São Francisco, nos EUA, de 19 a 23 de setembro, é composto por uma semana de imersão em Silicon Valley, considerado “o” centro de inovação mundial. O programa tem como tema central a Indústria 4.0 – internet das coisas (IoT – Internet of Things e IIoT – Industrial Internet of Things).


O quarto dia do GSI, conta com, entre outras atividades, a visita à SAP, onde os participantes no programa têm uma sessão sobre design thinking com o responsável pela inovação e pela transformação digital da multinacional, Shahid Khan. O founding partner do Innovation Skills Institute treina as empresas para adotarem comportamentos de inovação constantes e de transformação da cultura, possibilitando a transformação digital. E é hábil em colocar ideias criativas em ação para melhorar os Recursos Humanos, os produtos, marketing e operações, no sentido de gerar crescimento contínuo dos negócios de forma sustentável. Criador de uma universidade interna de inovação que já treinou mais de 4 mil trabalhadores, conseguiu obter uma melhoria de 11% no envolvimento dos seus colaboradores em três anos. No seu percurso profissional constam funções como evangelista de inovação da Pay Pal, principal na FastRoi, cofundador e diretor de marketing na Synopsys, ou diretor de marketing na Viewlogic.

O GSI (que tem como parceiros a aicep Portugal Global, a AIP - Associação Industrial Portuguesa, a AIDA - Associação Industrial do Distrito de Aveiro, e a Câmara de Comércio Americana em Portugal) está aberto a todas as empresas e entidades. Os participantes vão visitar e interagir diretamente com empresas como a Cisco, a Google, a Jabil ou a Salesforce, entre outras; ter sessões de trabalho na Universidade de Stanford e com especialistas; conhecer processos de aceleração de negócios e de empreendedorismo ao visitar aceleradoras de negócio e com a realização de reuniões comerciais; e ainda fazer networking, com acesso à rede de contactos GSI (mais de 250 antigos participantes).

Entre os vários oradores nesta 7.ª edição do GSI encontra-se, por exemplo, o agitador de inovação, coach e consultor Alberto Savoia, que é também colaborador da Universidade de Stanford e da Google na criação de cursos de liderança, e dá workshops sobre inovação e pretotyping; o dream catcher Mike Davis, design leader na Autodesk, responsável pela equipa Generative Design, que na explosão das .com esteve envolvido na criação de valor para clientes como a LG Electronics, a Netflix e a Palm; ou o business development manager da Flextronics, Cordell Brown, que vai brindar os participantes com uma sessão sobre, entre outros, o acelerador de tecnologia Flex Lab IX.

Carlos Oliveira, managing partner na consultora portuguesa Leadership Business Consulting, que organiza o GSI desde 2008, considera que “a melhor forma de um líder promover o seu desenvolvimento é através de visitas in loco e interações na primeira pessoa com os intervenientes que fazem a diferença. Uma imersão pessoal em Silicon Valley, o mais destacado ecossistema de inovação e empreendedorismo, é um diferenciador extraordinário”. 

03-08-2016


Portal da Liderança